Aprenda sobre desacordo: lições para toda vida
A "Comunicação Não-Violenta" (CNV) é um método de conversação com resultados surpreendentes

Por quê a "Comunicação Não-Violenta" funciona?

Jusbrasil

A "Comunicação Não-Violenta" (CNV) é um método de conversação com resultados surpreendentes, capaz de dissipar a agressividade e facilitar a transição de um conflito para uma negociação. Ou só transformar uma conversa desagradável em um contato construtivo, criativo e saudável.

A CNV foi desenvolvida pelo norte-americano Marshall Rosenberg. Em seus livros e vídeos ele enfatiza muito a compaixão. Destaca sua fé na capacidade humana de conexão com o outro e dá grande valor à necessidade de mudarmos a qualidade de nossas comunicações: elas estão profundamente enraizadas na violência. Concordo com ele - moralmente e tecnicamente.

Leia mais »
Parte 2 da Série “Os Personagens do Desacordo”: O IMPOSTOR ACUSADOR

Parte 2 da Série “Os Personagens do Desacordo”: O IMPOSTOR ACUSADOR

Medium

Infelizmente o “Impostor Acusador” não é um personagem de ficção. Ele está mais próximo de você do que gostaria de crer. São “vilões” que se escondem sob a máscara de “heróis”. Criminosos que se fingem de honestos, pessoas perversas que fazem o papel de bondosos.

O habitat mais favorável para a proliferação de Impostores Acusadores são os lugares onde alguém pode construir honestamente uma reputação positiva, uma imagem pública valorizada pela sociedade. A escola, a universidade. Os hospitais. O condomínio. As melhores empresas. Instituições religiosas. A polícia, o exército e a política. Certamente o Poder Judiciário.

Leia mais »
Entenda o que é “Ética Contextualista” com a série de TV “House M.D.”

Entenda o que é “Ética Contextualista” com a série de TV “House M.D.”

Facebook

Na série de televisão “House M. D”, que retrata um médico inspirado em Sherlock Holmes, capaz de diagnosticar as mais enigmáticas e raras doenças de seus pacientes, os autores constroem no roteiro uma série de “ruídos” éticos, um conjunto de condições desfavoráveis ao julgamento (decisão diagnóstica)

Leia mais »